Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Novamente Geografando

Este blog organiza informação relacionada com Geografia... e pode ajudar alunos que às vezes andam por aí "desesperados"!

Governo aprova novo projecto para tratamento de resíduos perigosos

Mäyjo, 30.09.14

Governo aprova novo projecto para tratamento de resíduos perigosos

O Governo de Portugal deu luz verde a um novo projeto para o tratamento de resíduos perigosos em território nacional, noticia o Diário Económico que cita uma fonte do Gabinete do Secretário de Estado do Ambiente.

O projecto em questão é do grupo Carmona, uma empresa presente no sector do ambiente desde 1976. O projecto estava já planeado há cinco anos mas aguardava o aval da Agência Portuguesa do Ambiente. Durante o período de espera, o projecto travou ainda um braço-de-ferro com as duas principais empresas a operar no sector, a Ecodeal e a SISAV.

Estas duas empresas exploram desde 2008 os dois únicos Centros Integrados de Recuperação, Valorização e Eliminação de Resíduos (CIRVER) do país.

Apesar de estar dotado de instalações semelhantes às dos CIRVER, o projecto do grupo Carmona diferencia-se destas infra-estruturas. A novidade está na inclusão de uma unidade moderna de apoio às instalações de co-incineração, existindo uma lacuna no mercado português que deve ser preenchida, refere o estudo de impacto ambiental que foi entregue à Agência Portuguesa de Ambiente.

O projecto deverá ficar instalado no parque industrial Spacec Bay, na freguesia do Sado, em Setúbal. O projecto está orçamentado em €15 milhões e deverá criar 140 novos postos de trabalho.

Foto:  City of Stillwater / Creative Commons

Exercícios sobre a evolção da população mundial

Mäyjo, 30.09.14

Objetivos:
Identificar os diferentes ritmos de evolução do crescimento da população;
Indicar o comportamento das taxas de natalidade e de mortalidade nos
diferentes grupos de países;
Identificar fatores justificativos dos baixos valores da taxa de natalidade nos
países desenvolvidos;
Resolver problemas com indicadores demográficos.

 

 

1 – Considera a evolução da população mundial no gráfico da figura 1.

 

 

1.1 – Refere a variação global da população mundial.
_________________________________________
_________________________________________


1.2 – Indica o período de evolução da população mundial (Regime Demográfico Primitivo;
Revolução Demográfica; Explosão Demográfica) que corresponde a cada uma das
seguintes afirmações:
a) – A população aumenta a um ritmo explosivo.
_________________________________________

b) – A população aumenta a um ritmo muito lento.
__________________________________________
c) – Período caracterizado por elevados valores das taxas de natalidade e mortalidade.
__________________________________________
d) – Grande diminuição da taxa de mortalidade em virtude dos apoios internacionais a
nível da alimentação, medicamentos, vacinação, etc.
__________________________________________
e) – Começa a verificar-se uma diminuição da mortalidade, o que provoca um aumento
da população.
__________________________________________

1.3 – Menciona o grupo de países que contribuíram para o crescimento demográfico
ocorrido durante a Revolução Industrial.
_____________________________________________


2 – “O acentuado crescimento populacional preocupa cada vez mais a humanidade”.


2.1 – Assinala com uma cruz ( X ) a opção correta.
a) – A Explosão Demográfica deve-se essencialmente à:
___ Diminuição da natalidade que se regista nos países em vias de desenvolvimento;
___ Diminuição da fertilidade que se regista nos países em vias de desenvolvimento;
___ Diminuição da mortalidade que se regista nos países desenvolvidos;
___ Diminuição da mortalidade que se regista nos países em vias de desenvolvimento.


b) – O crescimento demográfico explosivo é um fenómeno que tem origem:
___ Nos países industrializados;
___ Nos países da África e Ásia;
___ Nos países em vias de desenvolvimento;
___ Nos países desenvolvidos.


3 – Completa o texto com as seguintes palavras:


Inferior
Negativo
Taxa de mortalidade infantil
Envelhecimento
Crescimento Natural
Nulo
Taxa de natalidade
Aumentar
Esperança média de vida
Elevada
Reduzida
Jovens

 


Nos países desenvolvidos a taxa de natalidade é ______________ a 20‰. Nos mesmos
países, a esperança média de vida é ________________ e a taxa de mortalidade infantil
muito _______________. A mortalidade mostra nos últimos anos, uma ligeira tendência para
____________________ devido ao __________________ da população. O crescimento natural
apresenta-se assim, em muitos casos _______________ ou ______________.
Nos países em vias de desenvolvimento a _____________________ regista valores muito
elevados. As populações são assim essencialmente ______________________, apesar dos
elevadíssimos valores registados na ____________, devido às carências médico-hospitalares e
às precárias condições sanitárias.
O ___________________ continua a ser muito elevado, ao contrário da __________________,
que se mantém muito abaixo dos países mais desenvolvidos.

 


4 – Indica cinco fatores que justifiquem a descida da mortalidade, nos países em
desenvolvimento.
1º - _______________________________________
2º - _______________________________________
3º - _______________________________________
4º - _______________________________________
5º - _______________________________________


5 – Nos países desenvolvidos a taxa de natalidade tem permanecido baixa nos últimos
anos.


5.1 - Assinala com uma cruz ( X ) os fatores que justificam esta situação.
___ Predomínio da população jovem;
___ Progressiva entrada da mulher na vida ativa;
___ Desenvolvimento do planeamento familiar;
___ Decréscimo da taxa de nupcialidade;
___ Elevadas taxas de analfabetismo.

EUA: Seattle vai multar residentes que produzam lixo orgânico em demasia

Mäyjo, 30.09.14

EUA: Seattle vai multar residentes que produzam lixo orgânico em demasia

As autoridades municipais de Seattle, nos Estados Unidos, aprovaram uma lei que vai permitir multar os habitantes que daqui em diante tenham mais de 10% de lixo orgânico nos seus caixotes do lixo. O objectivo é incentivar à reciclagem e à compostagem, para que a cidade possa alcançar a meta de reciclagem de 60% do lixo total em 2015.

 

Para que a norma seja cumprida, os cantoneiros vão passar a avaliar a quantidade de lixo orgânico presente no caixote de cada residente. Caso a quantidade ultrapasse o valor, o delito será registado num sistema online e o residente notificado. Na factura seguinte do saneamento e água, o residente pagará €0,77 pelo lixo orgânico a mais. No caso de a quantidade de lixo orgânica persistir, o residente poderá passar a pagar multas até €39, escreve o Treehugger.

 

A nova normal vai começar a no início de 2014, mas os avisos vão começar a ser emitidos apenas a partir de Julho, altura em que os residentes começaram também a ser multados. A norma vai também aplicar-se a prédios e a empresas, embora nestes casos serão deixados dois avisos antes de a multa ser emitida.

 

Para evitar multas, o município incentiva os moradores com quintal a praticarem a compostagem e aos que tal não seja possível a reduzirem o desperdício alimentar.

 

Em São Francisco, existe também uma norma semelhante, introduzida em 2009, onde depois de alguns avisos, os residentes são multados até €78.

 

Foto: cliff1976 / Creative Commons